27 de nov de 2016

Medo

Oi gente. Eu tenho um trabalho enorme de Ciências pra fazer, mas como não tenho folha branca pra terminar ele, ando cheia de ansiedade pra minha mãe comprar as folhas e terminá-lo, e, tipo, uma ansiedade tão grande que meu coração começa a palpitar (isso tá certo?) e dá uma sensação ruim no peito.
Deixando de lado as contrações involuntárias do meu corpo pela escola, eu até que ando bem. Eu tipo meio que também não sei o que estou postando aqui.
Eu só meio que comecei a pensar... Sei lá, no por quê de certas coisas ruins acontecerem. Tipo, por quê não acontece só coisas boas? Por quê de vez em quando, o medo nos atrapalha tanto?
Aí, eu fiquei pensando mais ainda... Por quê temos que sempre tentar ficar bem, quando nada está bem? Por quê temos que, sei lá, sempre tentar ficar bem e rejeitar o que nos ofereceram? (No caso, a tristeza).
Aí, eu começo a pensar tanto, que fico perdida. Meio que não é necessário a gente sempre pensar em ser perfeitos, não é necessário nos odiarmos, mas por quê continuamos nos degradando? Degradando no sentido, de, ficar acabando com nós mesmos por coisas fúteis, como, por exemplo, a perfeição.
Eu sei lá de onde tirei essas perguntas. É que, depois de uma postagem do Snack Cheese, falando de como amar a si mesmo, fiquei pensando (de novo) porque de repente deixamos de cuidarmos de nós e de nos amarmos.
Deve ser bem ruim, né? Muitas vezes, a gente pensa que somos a pior pessoa do mundo, ou a pessoa mais triste de sempre, mas muitas vezes não é assim. Muitas vezes muita gente anda pior que nós, mas, será que a gente até gosta de se sentir assim? Mal, triste?

Desculpas eu peço, a quem, sei lá, ficou incomodado ou algo do tipo. Eu acredito que é a primeira vez que me abro aqui desse jeito, e tô com tanto medo que sinto minhas pernas tremerem, de verdade. Por isso eu digo que realmente tenho problemas com timidez e vergonha. Até.

6 comentários, comente também ^^

  1. Olá!
    Eu te entendo muito bem nessa de vergonha, talvez até na timidez... Me considero tímida, porém não muito. Digo, sou quieta demais, pois n sei conversar com pessoas que eu n conheço sem deixar a pessoa sem graça pois sou muito estranha '-'
    Sobre vergonha, não sei se vai se tratar da mesma coisa, mas eu sinto vergonha de mim mesma... Quero dizer, eu meio que me acho tão feia a ponto de n conseguir sair em público as vezes! Pois sempre q saio, me olham torto, e isso me incomoda de um jeito inexplicável Skull Minds
    Twitter
    Tumblr
    Snap: maisaindia

    ResponderExcluir
  2. Olá Tamara Vick!
    Também tenho trabalhos pra entregar na escola, e provas pra fazer, e ansiedade sempre vem pra interferir, mas tento esquece-la. Te entendo essa ansiedade grande, eu estava assim semanas passadas, e é algo horrível e sufocante. Mas como estou tentando superar, lhe digo que V-A-I-F-I-C-A-R-T-U-D-O-B-E-M , viu? porque realmente vai.
    Realmente é bobo a gente querer ser perfeitos, né? somos mas de formas diferentes, com os nossos próprios jeitinhos. Fiz até um textinho sobre isso no meu blog, devemos amar nós mesmos, e os medos só querem nos atrapalhar, por isso não liga pra eles, confiança que vai dar tudo certo.
    Que desculpas o quê? acho legal blogueiros que se abrem nos seus blogs. Eu também acho que tenho problemas com timidez e vergonha, mas estou tentando superar, eu tinha bastante com ansiedade, mas graças á Deus, eu já conseguir superar algumas coisas que ela me interferia, e agora estou superando outras.
    Pensamento positivo, que vai dar tudo certo.
    Beijos.
    http://sobrevivendo-ao-caos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Trabalhos longos são um saco! Espero que consiga terminá-lo tranquilamente ^^
    Aquele momento em que você começa a filosofar internamente, auehaue, eu também tenho essa mania. Começo a pensar na vida e a minha mente se ramifica, um assunto puxa outro e a gente se sente um filósofo julgando as coisas, auehqoihwio.
    Como dá pra gente entender isso? Cara, eu também não entendo como posso sofrer tanto comigo mesma, eu me sinto julgada. E como já citei anteriormente, a depressão me destruiu. Também tenho timidez e ansiedade excessivas, acabo sofrendo demais por isso! Ontem eu fui fazer o vestibular e mal consegui comer no almoço de tanto que eu estava nervosa! Meu estômago ficou doendo à noite por isso. E depois que a gente passa, pela nova experiência, a gente percebe que não era nada de mais pra se preocupar, mas é algo que continua nos sufocando!

    ♡ { Barbie Pretty Sweet } ♡

    ResponderExcluir
  4. Oi <3 É a minha primeira vez aqui no seu blog <3 Tudo bem? Espero que fique bem e que consiga fazer o seu trabalho. Não fique tão preocupada assim, preocupação demais leva a ansiedade, e a ansiedade faz você se sentir assim mesmo. Sempre que sentir isso, tente relaxar, respire bem fundo e sem esforço, e tente fazer algo que te relaxe, como ouvir uma música, ver alguns filmes, séries.
    Sobre o porquê de certas coisas ruins acontecerem com a gente... bem isso é normal, é natural da vida e por mais que seja difícil a gente precisa saber lidar com elas para evitar um sofrimento maior. Já viu o filme Divertida Mente? Se não, eu te aconselho. É uma animação da Pixar e ganhou até um Oscar! Ele fala exatamente sobre isso, sobre as nossas emoções, e uma das mensagens passadas no filme é de como a tristeza é necessária para que se haja a felicidade. Já parou para pensar nisso? Nunca saberíamos o que é ser feliz, se não existisse outros sentimentos como a tristeza.
    Sobre ficar se degradando e se odiando, infelizmente isso é um problema de baixo auto-estima. É normal todo mundo ter seus dias ruins e não se achar bom o suficiente. O que não é legal, é transformar isso em um monstro na sua vida que te impedirá de viver certas coisas por conta da insegurança. Um dos fatores que faz com que as pessoas se sintam assim, é a frustração por não conseguirem alcançar algo que queriam, o que é ruim, porque ninguém é 100% perfeito e está fadado ao erro, e também ao fato de tentar se encaixar em algum padrão, principalmente à um modelo de beleza ou de vida constantemente propagados pela mídia.
    Desculpe pelo comentário grande. Achei seu post interessante e espero ter te ajudado com os meus conselhos <3

    Visite o Ending Page

    ResponderExcluir
  5. Oi, Tamara!
    Ah, trabalhos, boa sorte, tomara que você termine logo!
    A sua reflexão é comum para mim, sempre penso nesses pontos. É estranho, né? Acho que as coisas ruins acontecem para que possamos aprender com elas, para entendermos que sempre temos que fazer coisas que fazem bem para os outros e para nós mesmos, pois o mundo já esta repleto de males. Afinal, o medo é uma reação da nossa mente para nos proteger (ou algo assim).
    Não, realmente ser perfeito não é uma meta, muito menos tentar chegar a essa perfeição nos degradando (como você disse). Penso que a gente pode tentar ser melhor quando reconhecemos nossos erros, mas que também precisamos ter um tempo para olhar para as coisas boas, se não a gente fica mal mesmo.
    Não fique preocupada com essas postagens, elas são boas (pelo menos eu gosto), pois nos fazem refletir e trocar umas ideias.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Olá,Tamara! Como vai? Eu por umas duas semanas estava lotado de trabalho,pesquisas e algumas perguntas pra entregar e a impressão que dá é que os professores descarregam tudo no mês de novembro e acaba nos sobrecarregando... Espero que você termine o trabalho e diga pra gente quanto tirou ta bom? Tem dias que nós nem queremos levantar da cama de tanto desânimo não é mesmo? Tem dias que você só quer ficar trancado no quarto olhando pro nada e pensando somente nas coisas ruins e vendo que poucas coisas boas acontecem com a gente. Pensar sobre isso ate nos abati um pouco,,nem gosto de pensar no quanto que sofri no passado e nos dias de hoje estou vivendo no "céu".
    Beijos.
    | reckless |

    ResponderExcluir



Hey! Pode comentar a vontade, falando sobre a postagem, mandando críticas, sugestões... Pode escrever palavrões também!! Mas não aceitarei comentários de auto-divulgação, tipo: "Ah! Adorei a postagem! Visita? url do blog" Ok?
Mas qualquer outra coisa, pode comentar aí, respondo tudo!